Confira os dados do fechamento do 4° TRI de 2020 no mercado logístico

Os dados do fechamento do 4º trimestre de 2020 da Buildings mostraram que, apesar da crise vivida ao longo do ano, o setor logístico não sentiu essas dificuldades e, ao contrário do mercado de escritórios, aproveitou o momento para expandir seus negócios em diversas regiões, com grande foco no e-commerce.

Mercado Logístico no Brasil

O setor logístico fechou o 4º trimestre de 2020 com 598 condomínios em todo o Brasil, registrando um estoque de 24 milhões de m². Houve um acréscimo de 2 novos condomínios neste 4T. Somadas todas as novas áreas entregues no último trimestre de 2020 temos um acréscimo de 246 mil m².

A título de esclarecimento, a locação de uma torre de escritórios só é possível após a construção dela por inteiro. Isso é muito diferente da realidade de um condomínio logístico, em que a construção e a locação são gradativas, ou seja, é possível construir um condomínio logístico e dentro desse espaço, ir construindo gradativamente vários galpões, proporcionando uma expansão em etapas, acrescentando novas naves.

Os novos galpões locados que foram entregues são o Icon Realty Cajamar, em São Paulo, e o KSM Log Extrema, em Minas Gerais. Ambos ficaram prontos em novembro de 2020.

Atividade Construtiva e Absorção Líquida

Quando falamos da atividade construtiva no Brasil, o universo é de 2,7 milhões de m² em construção.

O mercado logístico também teve uma absorção líquida positiva de 793 mil m², ou seja, o mercado cresceu quase 800 mil m² em espaços ocupados no 4T quando comparado ao trimestre anterior. Na nossa série histórica, que começou em 2013, esse número representa um recorde.

Quanto à taxa de vacância, ela vem caindo de maneira expressiva. No 1T de 2019 estava em 19%; no 1T de 2020 fechou em 17,4% e agora, no fechamento do 4T, chegou a 13.5%. Quando se olha para o Brasil como um todo, a queda foi muito grande.

LEIA TAMBÉM:
Confira os dados do 4º TRI em São Paulo e Rio de Janeiro do mercado de escritórios

Mercado Logístico em São Paulo

O setor logístico em São Paulo representa um pouco mais da metade do total do Brasil: 322 condomínios, um estoque total de 13,3 milhões de m². 121 mil m² desse estoque foi entregue no 4T de 2020.

De 2,7 milhões de m² de atividade construtiva no Brasil, 1,8 milhões de m² estão em São Paulo, com uma absorção líquida recorde de 547 mil, que ficou próximo de 2013 (líquida de 546 mil m²).

A taxa de vacância fechou o 4T em SP em 13,4%, ou seja, em queda. Vale destacar que o condomínio de Cajamar foi entregue já com 100% de seu espaço locado; e o de Extrema possui apenas um módulo disponível para locação; o restante já foi 100% pré-locado.

A construção de um galpão logístico é bem mais rápido do que uma torre de escritórios.

Leia também:
– Confira o fechamento dos dados do 4º TRI em São Paulo e Rio de Janeiro

Mercado Logístico no Rio de Janeiro

No estado carioca são 48 condomínios logísticos e não houve novas entregas em 2020. São 206 mil m² que seguem em construção na cidade.

A absorção líquida foi positiva de 57 mil m², mas não foi recorde. Já a taxa de vacância está maior que São Paulo, com 17,3%. A taxa de vacância vem um processo de queda.

Mas quando olhamos para o 3º trimestre de 2019, ela estava em 29%. Caiu de 29% para 17,3%. Esse número é muito bom.

Expectativas para 2021

Em linhas gerais, nossa expectativa é de que o mercado continue em franco crescimento. As empresas de e-commerce têm expandido bastante. As principais delas são a Amazon, o Mercado Livre e o Magazine Luiza.

Também vale destacar o movimento que tem ocorrido em razão dos fundos imobiliários. É um setor que performou muito bem em 2020 investindo também no segmento logístico, e continuará bem em 2021.

Confira o vídeo abaixo que traz uma análise completa e detalhada:

Não esqueça de se inscrever em nosso canal, caso ainda não seja inscrito, e ativar as notificações, clicando no sininho. Acompanhe também a Buildings nas redes sociais: InstagramLinkedIn e Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + dezoito =