“Pandemia muda cenário imobiliário: salas comerciais vazias chegam a 15% em BH”, matéria do Jornal Minas

Em matéria produzida pelo Jornal Minas, dia 05/02, Fernando Didziakas fala sobre vacância de escritórios em Belo Horizonte, ocorrida em 2020 em razão do isolamento social e do aumento do home office, esclarecendo que os números não subiram tanto quanto em outras cidades.

“Quando a gente tenta trazer essa quantidade em números, hoje, 15% de todos os edifícios comerciais de Belo Horizonte estão desocupados. Esse número não subiu tanto quando comparado a períodos anteriores à pandemia. Olhando para os números gerais, ele subiu um ou dois pontos percentuais, porém alguns segmentos sofreram mais”, disse Didziakas.

Trabalhar em casa se tornou realidade nesta pandemia. Algumas empresas já optaram até mesmo por não voltarem às antigas instalações e adotar o novo modelo de trabalho definitivamente. Essa mudança também trouxe uma nova realidade para os proprietários dos imóveis. O home office acentuou o número de salas comerciais vagas.

>> Para assistir a matéria completa, veja abaixo:

CONFIRA TAMBÉM OUTRAS MATÉRIAS PUBLICADAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 1 =